5 de abr de 2010

O Melhor Líder

5 de abr de 2010 10

Serei aquele que os vai conduzir, não para suprimir toda energia e coragem, mas toda felicidade. Não serei um líder, destes de grandes empresas, onde tudo é programado, cronometrado e punido. Não te olharei com olhos de soberba, tampouco de ganância. Voce saberá que não é isso que busco.

Voce não tem metas a cumprir pra continuar. Suas metas voce traçará, e cumprirá na velocidade de sua vontade. Sou seu aliado, não seu superior. Pode me procurar no escritório a qualquer momento que sempre terei para voce uma palavra amiga, encorajadora. Eu sei exatamente o que voce precisa ouvir para se abastecer de pura energia positiva e continuar a correr em busca de mim.

Sabes que não precisei de cursos, graduações, mestrados ou doutorados. Meu diploma eu ganhei olhando para o interior de cada um, sabendo o que voce precisa e o que quer. Sou a coisa mais importante, porém não sou mais importante que voce. Nós somente juntos conseguiremos chegar até mim.

Ainda não sabe quem sou eu? Não sou John Maxwell, tampouco Steve Jobs. Não sou adepto de Taylor nem de Smith. Eu sou o melhor líder que existe. Sou o melhor líder que voce poderia ter.

Eu sou os seus SONHOS!

30 de mar de 2010

Saindo do eixo

30 de mar de 2010 2

Pobre perdido por aí. Veio de longe se achar em algum lugar. Corre, vira, tropeça e aumenta o passo da perna. Pra que tanto papel? A folha voa com o vento que venta por todo recinto. O recinto é grande e deixa gente, lixo e bicho pra trás. Respira, respira, respira, para. De andar, respira. No segundo andar olha o homem olhando pro primeiro andar. Nem percebe ele que ninguém o espera, que nada está marcado pra ele. Mas que faz ele então? Saiu correndo pulando da cama, só pegou o papel e foi encontrar o velho que prometeu a ele. Não tinha velho, nem novo. Tinha a velha mania de enganar o homem, que nem lhe fez nada. O pobre volta pra casa, vai casar e quer jogar o papel fora, e daqui em diante, só vai falar.

28 de mar de 2010

A Revolta

28 de mar de 2010 1

Nada de especial. Nem nenhuma revolta, apesar da revolta existir, mas nada digno de citação.
Eu só queria voltar a escrever. Falar bobeira, falar coisa séria, afinal, quem pensa quer deixar todas linhas registradas em algum canto.
Vejam só essa foto. Ela é bonita, muito iluminada, mas nem me atrai. Fico triste com tanto sol, talvez fruto de uma amargura recalcada. Mas era só pra mostrar mesmo que a Grécia pode estar em crise, mas as paisagens continuam lá, ricas.
Essa foto foi tirada entre Loutraki e Athenas. E um dia vou fazer a minha trip pela Europa, com o objetivo de não voltar pra terra de Santa Cruz. Será?

23 de out de 2009

Saudades...

23 de out de 2009 0

Sinto falta.

Das conversas bobas na madrugada, de assistir Jô Soares repetido, de fazer rir sem motivo.
O leite quente na volta da faculdade. O arroz, o feijão, o macarrão.
De xingar o juiz quando ele expulsava algum jogador do Fluminense. De chamar o Palmeiras de sem vergonha quando perdia.

Saudades.

Saudades de chegar do futebol e dizer oi, de dar um beijo e ir tomar banho antes que ela brigasse.

De fazer planos pro sábado a noite. De ter que convence-la a sair. Caseira que só vendo.
De toda hora ir na cozinha pra ver se ela precisava de ajuda. E ela quase nunca precisava.
Ajeitar o lenço no cabelo antes do almoço em frente o espelho. E quando ele caía deixava ela nervosa.
Saudade de deitar no braço dela caindo de sono a noite. As vezes ainda com cheiro de detergente ou de gordura, mas era um cheiro acolhedor, confortável.
Saudade do sorriso dela. De ver ela feliz, animada com alguma coisinha que mudasse a rotina de sempre.
Os sustos que ela levava, seja do meu pai, ou seja meu. Depois de dois ou três palavrões, as risadas.

Ficar sentado no muro no terraço enquanto ela lavava roupa. Eu lia um livro e ela perguntava o que era.
Ela sempre pedia compania. Odeia ficar sozinha.

Saudade de sair e ela contar as moedas do pão.


A vida muda, o tempo muda. Os problemas impedem que tudo transcorra da maneira que devia ser: a maneira certa.

O que não muda é a saudade da minha mãe!
 
◄Design by Pocket, BlogBulk Blogger Templates